Glenn Greenwald mente ao dizer que ganhou o prêmio Pulitzer

Glenn Greenwald foi co-responsável pelas reportagens que fizeram com que o The Guardian levasse o prêmio.

O próprio site do The Guardian reconhece o trabalho de Greenwald nas reportagens divulgadas pelo veículo sobre o caso.
Porém o jornalista mente, quando diz ter ganho o prêmio. Ele não afirma em momento algum, que o prêmio havia sido conquistado pelo The Guardian, uma vez mostrando uma irrelevância em sua declaração.

Não se sabe se de má-fé ou por pura ignorância, a notícia de que Greenwald não teria ganhado o Pulitzer circulou as redes. Mas basta uma simples pesquisa para entender o que aconteceu.

 

Em 2014, o The Guardian US e o The Washington Post levaram o prêmio na categoria “Serviço Público”, pela “sua revelação de vigilância secreta generalizada pela Agência de Segurança Nacional, ajudando através de reportagens que desencadearam um debate sobre a relação entre o governo e o público a respeito de questões de segurança e privacidade”. Essa informação está no site do prêmio Pulitzer.



#PulitzerDeTaubaté figura nos trending topics do Twitter, fazendo com que os usuários da rede cheguem a duvidar se Greenwald, que hoje trabalha para o The Intercept Brasil e vazou áudios do ministro da Justiça Sergio Moro, de fato ganhou o tal “Oscar” do jornalismo.
fonte: Catraca Livre

2 comentários em “Glenn Greenwald mente ao dizer que ganhou o prêmio Pulitzer

Deixe uma resposta

WhatsApp chat
%d blogueiros gostam disto: