Google é multado de novo por irregularidades

O Google, que é controlado pela Alphabet, foi multada em 1,49 bilhão euros (US$ 1,69 bilhão) pela União Europeia por abuso de seu papel dominante em publicidade online. É a terceira vez que as autoridades reguladoras europeias penalizam a empresa, após multas bilionárias de duas investigações distintas sobre outras áreas de negócios da empresa do Vale do Silício. O montante divulgado nesta quarta-feira é muito menor do que o total de 6,76 bilhões de euros em multas nas duas decisões anteriores.

O veredicto foi de que o Google usou seu mecanismo de busca “AdSense” para bloquear concorrentes no nicho de mercado de venda de anúncios nos resultados de busca que aparecem em sites de terceiros.

Não foi dada, no entanto, uma ordem para o Google mudar as práticas de negócios. A comissão entende que a empresa parou de adotar comportamento anticoncorrencial pouco depois de as acusações terem sido feitas, quase três anos atrás.

O Google manifestou nesta quarta-feira em relação à decisão da União Europeia. “Sempre concordamos que mercados saudáveis e prósperos são do interesse de todos. Já realizamos diversas mudanças em nossos produtos para atender às preocupações da Comissão. Nos próximos meses, faremos outras atualizações para dar mais visibilidade a concorrentes na Europa.”  Kent Walker, vice-presidente sênior de Assuntos Globais.

Informações: Valor

Deixe uma resposta

WhatsApp chat